16 de abril de 2017

VEREADOR FAZ PROJETO PARA CORTAR BENEFÍCIOS DOS PRÓPRIOS VEREADORES DE ALÉM PARAÍBA-MG

Ver. Davi da Paz (Psd)
A Câmara de vereadores de Além Paraíba, voltou a se reunir na segunda-feira 17 de abril em sua Sede no bairro de São José em horário habitual, ás 14h. Na pauta, entre outros assuntos, consta o projeto do Vereador Davi da Paz Teixeira (foto) do Partido Social Democrático (PSD), eleito com 604 votos, sendo o terceiro mais votado na eleição de 2016.
Davi da Paz, criou o projeto de Lei número, 016 de 15 de março de 2017 que revoga o projeto em exercício de número 3.084 de 11 de julho de 2013. 
A verba foi criada na gestão da Câmara anterior á esta, quando cada vereador recebia em torno de R$3.300,00 (Três Mil e Trezentos Reais). Atualmente cada vereador recebe um pouco mais de R$5.000.00 (Cinco Mil Reais). O vereador Davi da Paz entende que não há necessidade dessa "verba complementar" ou seja, verba indenizatótia que pode ser gasta em algumas situações como descrito no quadro abaixo, podendo chegar até R$900,00 por cada vereador.
Neste fim de semana, o vereador Davi da Paz realizou distribuição de panfletos na cidade falando da econômia e sugestionando onde poderia empregar o dinheiro que hoje é gasto pela maioria dos vereadores. 
Em um programa de rádio na cidade, "o vereador Gilson (Gilsinho da a novidade) afirmou que votará para acabar com esta verba, pois entende que no momento de crise que vive o país, estado e municipio, cortar despesas se faz necessário". 
Na Câmara passada (2013 - 2016), outro vereador que não fazia uso da verba indenizatória era o Vereador "Bí " vereador "Cabo Coelho", vereador "Antônio da Purina" e o vereador  "Zico", este por último foi reeleito e continua a não usufruir de tal benefício.
Após o projeto de lei do vereador Davi da Paz, passar por duas comissões, foi a votação na segunda-feira (17/4) os pareceres de duas comissões. O voto foi aberto.

Na votação dos pareceres das comissões, o projeto do vereador Davi foi vencido. 
Os vereadores continuarão tendo o direito de fazer uso da verba idenizatória...

09 VEREADORES VOTARAM QUE A VERBA DEVA CONTINUAR, 
02 VEREADORES VOTARAM CONTRA A VERBA CONTINUAR (Davi e Gilsinho)
O VEREADOR "ZICO" (nunca fez uso da verba) ABSTEVE DO VOTO 
E O PRESIDENTE (Gerson Barreto) NÃO PRECISOU VOTAR.
Reportagem Blog do Adenilson Mendes

Um comentário: